Uganda

Região
África Oriental

Capital
Campala

Extensão Territorial
241.550 Km²

Idioma
Inglês

Idiomas Adicionais

População Total
34.509.205 habitantes

Fonte População
Indicators on Population. In United Nations Statistics Division. Demographic and Social Statistics. Statistical Products and Databases. Social Indicators, 2011.

Total PIB
17.015 milhões de US$

Total PIB
Indicators on Population. In United Nations Statistics Division. Demographic and Social Statistics. Statistical Products and Databases. Social Indicators, 2011.

Moeda
Xelim Ugandês

Histórico
UGANDA - País da África Central, limitado ao norte pelo Sudão, a leste pelo Quênia, ao sul pela Tanzânia e por Ruanda e a oeste pela República Democrática do Congo. O seu nome significa "país do povo de Ganda", em dialeto local, sendo Ganda o nome de um célebre herói local, grande caçador de elefantes. Há séculos o rico planalto entre os dois ramos do Vale do Rift foi habitado por bantus e nilotas. Quando os árabes e europeus ali chegaram, no século XIX, encontraram vários reinos, aparentemente fundados no século XVI, o maior e mais importante dos quais era o ainda existente Buganda. Esta área foi, em 1888, concedida à Companhia Britânica da África Oriental e, em 1894, o reino do Buganda tornou-se um protetorado do Reino Unido. Em 1º de março de 1961, realizaram-se as eleições que elegeram Benedicto Kiwanuka como Ministro-Chefe (similar ao Primeiro Ministro britânico, porém, dependente da coroa) de Uganda, que se tornou independente em 09 de outubro de 1962. Daí por diante, vários ditadores governaram o país sob regimes violentos e opressivos, incluindo o mais famoso deles, Idi Amin Dada, ex-sargento pára-quedista e ex-campeão de boxe, que tomou o poder em 1971, perdendo-o após a guerra com a Tanzânia, em abril de 1979. Depois de Amim, Godfrey Binasa e Milton Obote o sucederam. Em 1981, iniciou-se uma guerra civil no país que durou quatro anos, fazendo milhares de mortos e expulsando mais de 100 mil pessoas de suas terras. Bazilio Olara Okelo comandou um golpe e assumiu o governo ugandense, em 1985. No ano seguinte, Yoweri Museveni chegou ao poder e prontamente iniciou uma política de pacificação, restauração dos direitos humanos e liberalização política e financeira, permanecendo na presidência da República ugandense desde então.

Mapa